Computador menor que pen drive promete mais segurança

Dispositivo é adaptado para desenvolvimento de código aberto

Publicado em 23/10/2015

O USB Armory é um mini computador voltado para sistemas de segurança da informação. Menor que um pen drive, ele pode ser conectado na entrada usb e ser utilizado para o desenvolvimento de novas ferramentas de segurança na internet (Tor), armazenamento de dados criptografados, armazenamento de senhas, ou mesmo como carteira de BitCoins, para que você possa realizar transações financeiras com outros usuários.

O mini computador foi desenvolvido para rodar atribuições Linux, permitindo a execuções de softwares com código aberto utilizando os sistemas operacionais padrão Debian ou Ubuntu - carregados a partir de um cartão de memória microSD. Ele é equipado com placa Freescale i.MX53 ARM Cortex-A8 de 800MHz e memória RAM DD3 de 512MB. Suas dimensões são de, aproximadamente, 65 x 19 x 6 mm. Ele ainda possui um LED que pode ser controlado a gosto do usuário.
 
Alimentado através da energia emitida pela conexão USB, quando conectado, o Armory deve ser acessado através de um servidor virtual ou de um terminal comum, para então o usuário poder brincar conforme seu conhecimento em desenvolvimento de softwares e aplicações. 

A fabricante da novidade, a Inverse Path, disponibiliza um cartão de memória no valor de US$ 10 (R$ 39) que permite que ele seja usado em conjunto com hubs para se conectar com outros periféricos, como teclados, mouse, telas ou adaptadores de internet sem fio.

O Armory está nos testes finais, podendo chegar as lojas em novembro de 2015. Para quem tem interesse no dispositivo, ele já está disponível em pré-venda pelo preço de US$ 130 (aproximadamente R$ 510). Você ainda tem a opção de comprá-lo junto com um cartão com o sistema Debian pré-instalado, no valor de US$ 30 (R$117). A capa de proteção para o dispositivo sai por US$15 (R$ 60). Tudo pode ser encontrado na página do Crowd Supply