Na contramão da concorrência, Nintendo ainda despista sobre RV

Ao contrário de Sony e Microsoft, empresa demonstra pouco interessa na tecnologia

Publicado em 21/06/2016

Após os anúncios do PlayStation VR, da Sony, e do Project Scorpio, da Microsoft, foi a vez da Nintendo se manifestar a respeito da realidade virtual. O presidente e diretor de operações da Nintendo of America, Reggie Fils-Aime (foto) deixou claro, em entrevista à Bloomberg West, que a empresa só deve adotar a tecnologia quando esta estiver mais popular.

"Nós queremos ter certeza que a tecnologia representa um valor forte para o consumidor. Para nós, ela precisa estar no ponto onde pode ser considerada mainstream, e então são necessárias empresas criadoras de conteúdo, como nós, para realmente fazer coisas que o consumidor quer experimentar. Quando algo como a realidade virtual chegar nesse ponto, você pode ter certeza que a Nintendo estará lá", afirmou.

Foto: Reprodução/Facebook