Vírus do Windows XP para um hospital na Austrália

A instituição não entrou em muitos detalhes, mas alertou sobre atualização do sistema

Publicado em 21/01/2016

Há menos de uma semana, a Microsoft anunciou uma nova política de atualização do Windows para todos usuários que usarem os processadores Intel Skylake - o Qualcomm 8996 ou o Bristol Ridge da AMD -, obrigatoriamente migre para o Windows 10. Mas muitas empresas e, principalmente, órgãos públicos ainda estão bem defasados, como, por exemplo, o Royal Melbourne Hospital na Austrália.

A instituição divulgou em seu site oficial que um vírus infectou toda a rede computadores do local, cujo o sistema operacional ainda é o Windows XP, mas explicou que os técnicos de TI responsáveis pela infraestrutura do local já estavam restaurando as máquinas. Algumas áreas do local já voltaram com as atividades normais.

Mesmo sem muitos detalhes do agravamento do problema, a instituição fez questão de alertar empresas que ainda mantém o antigo sistema, que há um tempo não recebe mais atualizações preventivas em sua rede de computadores.